MULTIDATAS COMEMORATIVAS

28 DE ABRIL- DIA DA SOGRA

28ABRILDIAsogragif
Carta de uma sogra para a nora
Luz María de la Fuente
Querida filha…

“Esta carta é a que qualquer sogra poderia dirigir à sua nora, se tivesse coragem suficiente para escancarar o coração… Não lhe vou contar nada de novo, mas que importa? Também não são notícia as trivialidades que nós, as mulheres, costumamos contar umas às outras: << Como estão as crianças? Como vão as coisas por aí? Que vai fazer hoje? Posso ajudá-la?… , etc.>> E, no entanto, são o suporte natural dessa convivência cheia de pormenores de carinho, própria das pessoas que se apreciam.

“Comecei estas linhas tratando-a por filha, um nome que talvez não lhe devesse dar. Seria uma bobagem chamar-lhe filha, pela simples razão de que <<mãe, há uma só>>. No fundo, porém, como a maternidade tem diversas formas, posso, sim, chamar-lhe “filha”, já que na verdade você é uma filha para mim.

“A sua chegada à nossa família significou uma confirmação das possibilidades que o carinho nos oferece. Porque o verdadeiro afeto é como uma janela aberta, através da qual se renova a atmosfera da nossa vida e se enche de luz a cotidianidade que nos traz presos ao dia-a-dia: a casa, os filhos, o trabalho, o escritório, o descanso e a diversão. Que seria de tudo isso se não estivesse iluminado pela luz do amor, se não se oxigenasse com a pura novidade do apreço e da estima que deve unir as pessoas?

“Que seria de você, de mim e de toda a humanidade se, no fundo da nossa existência, não ardesse a chama da convivência e da dedicação? Se você chegasse à sua casa de esposa e não houvesse crianças ou, pelo menos, a esperança de converter em realidade, quanto antes, esse projeto de que o amor transborde? Que seriam para nós, mulheres casadas, essas quatro paredes do lar sem a presença de um marido por quem esperar, de quem cuidar, de quem queixar-se quando deixa as luzes acesas ou livros e papéis espalhados pela casa? A que ficaria reduzida a família se, em lugar do afeto, reinasse nela o egoísmo?; se o bebê que chora no berço não soubesse que a mãe virá logo, movida por essa misteriosa mola que funciona sempre e a todas as horas?; se os filhos que chegam do colégio não encontrassem a mamãe sorridente, com a comida preparada e todo o seu tempo livre para eles? Que seria de nós sem esses amigos com os quais compartilhamos parte da nossa intimidade, com quem saímos para tomar alguma coisa, para jogar um squash ou para ter uma conversa sobre temas importantes que nos ajudam a melhorar? Que seria, enfim, de qualquer marido ou esposa que vagueasse como um sonâmbulo pela tensa e escura incerteza da incompreensão conjugal?

“Além de recebermos o sol e o ar puro do carinho autêntico através da simbólica janela do amor, é claro que também damos do nosso carinho. A começar pelo olhar – é a primeira coisa que fazemos ao abeirar-nos da janela: olhar! Um olhar que, como espelho da alma, deve ser a promessa de tudo o que estamos dispostos a dar.

“Mas, por falar em noras, permita-me contar-lhe que, certa vez, narrei a história de Rute a uma amiga; a sua filha era recém-casada, e tinha problemas com a sogra. Poucos dias depois, tornei a encontrá-la e, consciente de que a Palavra de Deus tem força própria e faz milagres quando não bloqueamos a sua ação, perguntei-lhe como estava a filha. A senhora começou a rir com um ar triste.
– “Falei-lhe da história de Rute e disse-lhe que até se pode chegar a gostar da sogra – comentou-me.
– “E o que foi que a sua filha respondeu? – aventurei-me a perguntar…
– “Que quem pensa isso deve ter batido a cabeça quando era criança…

“O caso é verídico. O que não parece tão certo é que seja tão inevitável assim <<rotular>> as pessoas. O correto seria, numa tentativa solidária, situar mentalmente determinados indivíduos fora do seu contexto. Explico-me. Não os ver unicamente através do papel que representam na família ou na sociedade, não julgá-los pelas suas circunstâncias atuais. Nessa longa lista de pessoas que poderíamos isolar do emaranhado das suas respectivas vidas, figurariam: as sogras difíceis, os colegas com quem não nos damos bem, alguns doentes excessivamente exigentes, idosos com problemas de comportamento, os chefes coléricos… Contemplar essas pessoas como pessoas é começar a compreender que todos precisamos de um pouco mais de amor. As vezes, esse amor será simplesmente rezar pela pessoa necessitada. Outras… Mas por que lhe vou repetir tudo isto? Nós, as mulheres, avançamos constantemente no amor, a partir da nossa própria família.

“Rute era uma boa nora que tinha, além de uma excelente sogra chamada Noemi, um coeficiente de luz interior que lhe permitia compreender por que não se devem desprezar os vínculos impostos pelas circunstâncias. Existem para nos enriquecer!

“Querida nora ideal, tenho que terminar estas linhas. Obrigada por tudo. Conte comigo. Mas, por favor, continue a ajudar-nos. Porque a sua juventude e até a sua inexperiência, a força do seu entusiasmo e a sua dedicação à fascinante e árdua tarefa de construir uma família, tudo isso é sempre um exemplo para nós, um livro aberto que nos conta a história do mundo. Uma história de amor para crianças de todas as idades, que enternece acima de tudo o coração dos avós.

“A sua incondicional…”

Luz María de la Fuente é mãe de família numerosa, co-autora do livro “Aprender a evelhecer” e do livro “A Sogra (e a Nora) Ideal”
Fonte: “A Sogra (e a Nora) Ideal”, Luz María de la Fuente – Ed. Quadrante, 1998, São Paulo

Tipos de sogras

Ache a sogra.
Sogra Tranqüila
Nome Cientifico: Sogronis nadelas
Comportamento Típico: Uma espécie bem resolvida. Deixa o filhote livre para namorar sem fazer perguntas. E ainda serve chá com biscoitos quando a (o) conhece. Migra varias vezes por ano, deixando a casa liberada. Espécie semi-rara.
Sogra Jararaca
Nome Cientifico: Sogronis peçonhentus
Comportamento Típico: Essa e um perigo. Sua língua venenosa acaba com as tentativas de namoro do filhote; o tipo mais comum. Espécia comum.
Sogra Querida
Nome Cientifico: Sogronis simpaticcus
Comportamento Típico: Espécie amorosa, que adota as namoradas (os), escuta seus problemas e torce pelo namoro. Rara e em extinção, quem captura não solta.
Sogra Intrometida
Nome Cientifico: Sogronis enxeridis
Comportamento Típico: Mete-se quando você menos espera e adora elogiar a ex-namorada (o)dele (a). Vence sua presa no cansaço. Costuma ir morar com o filhote quando ele (a) se casa.
Sogra Dupla Face
Nome Cientifico: Sogronis falsidis
Comportamento Típico: Faz a linha fina, mas na real quer puxar seu tapete. Nunca faz nada contra você perto do filhote (a) para que ele (a) não acredite nas suas reclamações. Dá presentes ou arruma um macho para ela voltar a reproduzir.
Sogra Fashion
Nome Cientifico: Sogronis modernetes
Comportamento Típico: Ela não quer saber quem é você, mas o que você veste. Se você for básica (o), já era. Para ela, nora ideal usa scarpin com meia, customiza o uniforme e faz artesanato com o copo de requeijão.
Sogra Trabalhadora
Nome Cientifico: Sogronis workaholic
Comportamento Típico: Ela tem três empregos, faz hidroginástica, adora levar trabalho pra casa e quando você aparece te põe para trabalhar. Para ela, nora ideal tem que fazer tudo o que ela faz e ainda estar sempre sexy e bem-humorada. Para o filhote dela isso é o mínimo.
Sogra Ideal
Nome Cientifico: Sogronis defuntus
Comportamento Típico: Está enterrada a pelo menos sete palmos do chão.
Frases Incríveis:

Feliz foi Adão, que não teve sogra, nem patrão.
Só não mando minha sogra pro inferno, porque tenho pena do Diabo.
Minha sogra é muito boa…muito boa pra se matar;
Matar minha sogra não é crime, é benefício pra humanidade.
Se minha sogra romper minha relação, ela vai é pro Inferno!
O Inferno é o único lugar aprazível pra minha sogra.
Sogra é igual cerveja, só é boa geladinha e em cima da mesa.
A sogra da minha mulher é bem, mas bem melhor que a minha!
Minha sogra caiu do céu. A vassoura quebrou.(E ela deve ter caído de cara)
Minha sogra disse que quando eu construisse minha casa fizesse um cantinho pra ela, por isso fiz minha casa redonda!!!!
Quando eu matar minha sogra morrer, vou colocar uma lápide com o escrito: “Aqui jaz minha sogra! Agora posso descansar em paz!”
Quando a minha sogra morrer ela vai prescisar de dois caixões:” Um pra ela e o outro so para a língua”
Acidente é sua sogra cair num poço, calamidade é alguém resgata-la.
Sogra se enterra de cabeça para baixo, vai que ela ressucite e resolva cavar!
Se sogra boa é sogra morta.
Sogra é igual mala, mas a minha veio sem alça e sem rodinha!
Quando Deus criou a Mulher Gostosa, o Capeta criou a sogra
Minha sogra caiu do céu…. a vassoura dela quebrou
quando minha sogra morreu colocaram uma placa no inferno “SOB NOVA DIREÇÃO”
Sogra boa é que nen mandioca as boas tão de baixo da terra
Ainda bem que minha sogra não se chama esperança…Porque esperança é a última que morre!!
A sogra nunca é plena, mata a alma e a envenena.
Em 2023 haverá a destruição da Terra, não por motivos naturais, e sim porque todas as sogras irão ressuscitar.
Sugestão de Viagens Para as Sogras

Show do Restart
Aquário de tubarões
Terra do pé junto
Argentina
Pra puta que pariu
O olho da rua
Inferno
Casa da mãe Joana
Iraque
Marte
Acre
Triângulo das Bermudas
O lado de fora da janela do meu prédio
Cemitério
No meio do tiroteio
Merda
Ilha de Lost
Aterro sanitário
Um show ao vivo de tirolesa (pra quem não sabe, tirolesa é aquelas músicas de culto satânico irritantes de “IOLELEIRRUHHHHH, IOLELEIA-IRUHHHH”)
No Haiti durante o terremoto
“Um dia eu mato essa porra!!”.
Para o caixão e no voltar mais
Na usina de Fukushima ,durante a esplosão
No Japão, na hora da Tsunami
Na sua casa
No Ártico, com os ursos polares assassinos
Em uma casa, durante um incêndio
Pendurada na ponta de um para-raios, durante uma tempestade
No banco, durante um assalto
Nas torres gêmeas, durante o atentado de Osama Binladen
Oxente, aqui no sertão
Piadas – SOGRA

Sabe em quantas partes se divide a cabeça da sogra?
Depende da porrada !!!
A garota chega para mãe, reclamando do ceticismo do namorado.
Mãe, o Mário diz que não acredita em inferno!
Case-se com ele minha filha e deixe o resto comigo!
O homem leva um susto que ao ouvir de sua cartomante:
– Em breve sua sogra morrerá de forma violenta.
Imediatamente ele pergunta à vidente:
– Violentamente? E eu? Serei absolvido?
Na delegacia, aparece um cidadão e diz que quer confessar …
O delegado pergunta:
– O que aconteceu?
E o homem:
– Doutor eu matei minha sogra!
– Bem meu filho, você cometeu esse crime mas deveria
estar muito alterado… não se importe, vá pra casa e descanse. Está tudo bem…
– Mas doutor eu enterrei a velha!
– Ah me filho viu que boa alma você é? Enterrou e sua sogra e assim já evitou toda aquela burocracia…
– Doutor!!! Mas quando eu estava enterrando ela gritava que ainda estava viva!
– Ô meu filho e você não sabe que toda sogra é mentirosa?
Um homem encontra seu amigo na rua e lhe diz:
– Cara você é igualzinho a minha sogra, a única diferença é o bigode!
O amigo fala:
– Mas eu não tenho bigode!?
– Mas minha sogra tem.
Um cara foi a delegacia e disse:
– Eu vim dar queixa, pois a minha sogra sumiu.
O delegado disse:
– Há quanto tempo ela sumiu?
– Duas semanas – respondeu o genro.
– E só agora é que você me fala?
– É que eu custei a acreditar que eu tivesse tanta sorte!
A sogra do cara morreu…e lhe perguntaram:
– O que fazemos? Enterramos ou cremamos?
– Os dois! Não podemos facilitar!
O cara voltava do enterro de sua sogra, quando ao passar por um prédio em obras um tijolo caiu lá de cima e quase acertou a cabeça dele… O homem olhou pra cima e gritou:
– Já chegou aí, sua desgraçada!!! E ainda continua com má pontaria!
ES28 de abril • Dia da sogra2

Esta entrada foi publicada em 28/04/2015 às 1:14 AM e está arquivada sob Sem categoria. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.
%d blogueiros gostam disto: